Posts

Saiba onde encontrar comida brasileira em Toronto

A saudade de casa aumenta quando a gente não encontra mais aquela comidinha que estávamos acostumados, não é mesmo? Para alguns, a experiência internacional fica até mais difícil, pois o cardápio em muitos países é bem distante da nossa culinária. Para te ajudar a sentir um pouco mais do gostinho de casa no seu dia a dia, fizemos uma lista dos locais onde você encontra comida brasileira nos arredores de Toronto. Assim fica fácil morar em outro país =)

Mercados

Brazil Direct
Endereço: 1473 Dundas St West
Única loja genuinamente brasileira, a Brazil Direct nasceu em 1998 e está localizada no coração da comunidade brazuca em Toronto. Além de alimentos como pão de queijo congelado, sucos, Toddy, farofa, chocolates e cereais, a loja vende roupas, biquínis, bijuterias, sandálias Havaianas, DVD’s, livros, perfumes do Boticário e muito mais.

Nosso Talho
Endereço: 1042 Bloor St West e 1326 Dundas St West
O Nosso Talho é um açougue e mini mercado português onde você encontra, além de cortes de carne, como de picanha e alcatra, alguns produtos como café, arroz, feijão, farofa, farinha, chocolates, nescau, polvilho para pão de queijo, fubá de milho, guaraná Antarctica, doce de leite, carne seca, frios e frutos do mar. O mais legal é que o website da empresa é totalmente em português, assim não tem como não se sentir em casa, né?

Pavão Meats & Deli
Endereço: 1435 Dundas Street West / 245 Dixon Road (dentro do No Frills) / 900 Dufferin St. (dentro do No Frills)
O Pavão também é um açougue e mercado. Oferece diversos cortes de carne e produtos de fabricação própria como linguiça calabresa. Você encontra nas diversas lojas pão de queijo congelado, farofa, café Pilão, farinha Yoki, chocolates, guaraná Antarctica, tapioca, requeijão, entre outros.

Tavora Foods
Endereço: 1625 St. Clair West
A Tavora Foods nasceu como uma pequena mercearia e hoje é uma cadeia de supermercados que importa uma grande quantidade de produtos com preços bem atraentes. Além dos mantimentos tradicionais como o arroz, feijão, farofa, há frutos do mar e uma grande variedade de pães na padaria que fica dentro do local. Inclusive, vale a pena experimentar o pão francês e o pão de queijo (hummm). Na prateleira também são encontrados guaraná Antarctica,, leite condensado, achocolatado em pó, doce de leite, entre outras delícias.

Talho Rui Gomes (Food and Meat Market Rui Gomes)
Endereço: 1300 St. Clair Avenue West e 546 Rogers Rd
Além de carne e linguiça eles vendem produtos Yoki, café, guaraná Antarctica e sucos de caju e acerola.

Churrascarias

Touro Churrascaria
Endereço: 125 York Blvd, Richmond Hill
A Touro Churrascaria é considerada pelos brasileiros uma das melhores opções da cidade, pois traz para a mesa o autêntico modelo de rodízio daquele jeito que estamos acostumados. Ah, e se você é vegetariano, há uma opção de rodízio para você. E o mais bacana é que a maioria das pessoas que trabalha por lá fala português. O rodízio é oferecido no almoço e jantar e conta com diversas carnes, saladas, sopa, arroz, feijoada, farofa, frutas, panqueca, waffles, cereais, omeletes, pães e abacaxi grelhado.

Copacabana
Endereço: 150 Eglinton East ou 230 Adelaide St. West
A churrascaria tem ótima localização e oferece rodízio all-you-can-eat (buffet livre). Bebidas e sobremesas não estão inclusas.

Restaurantes

Rio 40°

Endereço: 1256 St. Clair Ave W., Toronto

O restaurante fica na área brasileira de Toronto e muitas vezes o pessoal transmite jogos do Brasil no local, além de ter sempre uma TV ligada em algum canal da nossa terrinha. Entre as opções você encontra camarão ao alho e óleo, mandioquinha frita, coxinha, quibe, linguiça grelhada, picanha acebolada, frutos do mar e carnes vermelhas.

Sabor Brasil
Endereço: 1702 St Clair Ave West
O Sabor Brasil serve a autêntica comida brasileira. Localizado em St. Clair West, o local é bem acolhedor e serve uma grande variedade de aperitivos como a nossa querida coxinha, mandioquinha frita, quibe e bolinha de queijo. O cardápio também oferece carnes (picanha, costela, bife), frutos do mar e sobremesas, com pudim de leite, docinhos, mousse de maracujá, entre outros (hummm). A picanha vem com os acompanhamentos arroz, feijão, vinagrete, couve e farofa. Este texto está dando água na boca!

Mata
Endereço: 1690 Queen St. W. (na Roncesvalles Ave.)
Os chefes do Mata trazem um toque criativo aos ingredientes tradicionais, incorporando o melhor de suas raízes brasileiras e experiências em restaurantes portugueses e espanhóis.

 

Como comer bem e barato em Toronto

Vida de estudante intercambista não é fácil, sobretudo quando o assunto é economizar nas despesas do mês. A gente tenta economizar aqui e ali, mas acaba gastando mais do que o necessário, principalmente quando o assunto é a alimentação. O tempo para cozinhar é curto e muitas vezes o que resta é comer na rua, aí entram as opções de fast-food, que são mais baratas, mas nada saudáveis. Pensando nisso, nós resolvemos dar aquela forcinha e mostrar que é possível comer bem e barato na maior cidade do Canadá: Toronto.

Toronto é uma cidade multicultural, então você encontra restaurantes de diversos lugares do mundo. E essa pluralidade de cardápios faz com que surjam muitas promoções (que adoramos!) para chamar mais a atenção das pessoas, principalmente dos turistas. Neste contexto, encontramos também algumas opções bem atraentes, do tipo all you can eat (buffet livre) ou aquelas com pratos bem servidos a um preço bem camarada. Veja abaixo:

El Furniture Warehouse
Local: 410 Bloor St W
Horário: Segunda a sexta, de 11h às 2h.

O El Furniture Warehouse é um restaurante com cara de pub localizado no centro de Toronto no qual todas as opções do cardápio custam apenas CAD $4.95 todos os dias da semana. Isso mesmo, todos os dias! Além de baratos, os pratos são saborosos, elaborados com ingredientes orgânicos e produzidos localmente. Seja na opção de hambúrguer, taco ou poutine, você não vai se arrepender!

Salad King
Local: 340 Yonge Street
Horários: Segunda a quinta, de 11h às 22h; sexta, de 11h às 23h; sábado, de 12h às 23h; e domingo, de 12h às 21h.

Este restaurante de comida tailandesa oferece 20% de desconto para estudantes, basta mostrar uma carteirinha válida. O cardápio é bastante variado com opções de carne branca e vermelha, frutos do mar, sopas, macarrão e sobremesas e o prato mais caro custa CAD $11.50.

Kinka Izakaia
Local: 398 Church Street
Horários: De segunda a domingo – Almoço: 11h30 às 14h e ; Jantar: 17h às 00h

Neste restaurante, a decoração te leva a fazer uma viagem ao Japão enquanto saboreia os pratos do local, que vão muito além do sushi. O interior possui duas áreas de refeições – o bar, com mesas e cadeiras de madeira – e um espaço com tatame e luzes baixas bem aconchegantes, onde você pode sentar no chão para fazer sua refeição. O menu varia de clássicos pratos japoneses às mais modernas ofertas, com preços bem atraentes.

Pour Boy
Local: 583 College Street / 666 Manning Avenue
Horário: De segunda a domingo, de 11h30 às 2h

Com duas unidades em Toronto, o restaurante é bem famoso entre os estudantes e para quem quer comer bem e barato. Começando pelas entradas que variam de CAD $5.50 a CAD $9.50 e oferecem opções diversas como batata frita, tortillas, frutos do mar servidos com molhos, entre outros. Para os pratos principais, o leque de opções abrange saladas a CAD $6.50, sanduíches (brunch) a CAD $7.75, sopas, que podem ser encontradas a CAD $5.50, massas e grelhados a CAD $9. Clique aqui para ter acesso ao cardápio da Mannin Avenue e aqui para saber das novidades do College Street.

Mandarin
Local: 2200 Yonge Street (próximo à estação de metro da Eglinton).
Horários: Segunda, de 11h30 às 15h e 16h30 às 21h30; terça e quarta, de 11h30 às 15h e 16h30 às 21h30; quinta, de 11h30 às 15h e 16h30 às 22h30; sábado, de 11h30 às 15h e 16h30 às 22h30; e domingo, de 11h30 às 15h e 16h30 às 21h30.

Este all-you-can-eat (você paga uma vez e come à vontade) de comida chinesa em Toronto é muito famoso entre os intercambistas, pois oferece uma grande variedade de comida a um preço bem acessível. Você pode se deliciar entre saladas, sopas, grelhados, sushi, pizza, além das sobremesas (que são muitas!). De segunda a sexta, o almoço custa CAD $16.99 por pessoa e o jantar CAD $21.99. Nos fins de semana e feriados, custa CAD $24.99 durante o almoço e CAD $31.99 no jantar. Há descontos para crianças de até 12 anos e pessoas com mais de 65 anos. Vale lembrar de acrescentar a taxa de serviço + gorjeta. Bebidas não estão inclusas no pacote.

The Real jerk
Local: 842 Gerrard St E / 1004 Kingston Rd
Horários: Gerrard – De segunda a quarta, de 11h30 às 23h; quinta, de 11h30 às 00h; sexta, de 11h3 às 1h; sábado, de 12h às 1h; e domingo, de 14h às 22h.
Kingston – Segunda, de 16h às 22h; terça e quarta, de 11h30 às 23h; quinta, de 11h30 às 23h; sexta, de 11h30 às 00h; sábado, de 13h às 00h; e domingo, de 13h às 21h.

O local ganhou atenção internacional quando a cantora Rihanna escolheu o este restaurante caribenho para gravar o clipe da música “Work” com o rapper Drake no local, no início de 2016. O restaurante é um ponto histórico, com mais de 30 anos de tradição, o que ratifica a qualidade dos produtos oferecidos. Com um clima bem irreverente em uma “great vibe”, você pode se deliciar com diversas opções de pratos caribenhos a preços bem bacanas. Para você ter ideia, o prato mais caro custa CAD $23. Clique aqui para conferir o cardápio da Gerrard e aqui para se deliciar nas opções da Kingston (beaches).

Conheça os outlets em Toronto

Todo mundo gosta de ir às compras quando viaja para algum lugar diferente, ainda mais quando falamos de países da América do Norte, onde estão as marcas mais queridinhas dos brasileiros a preços imbatíveis. Toronto tem um forte concorrente ao lado, que são os Estados Unidos, mas mesmo assim a cidade oferece outlets incríveis com preços que, muitas vezes, valem mais a pena do que atravessar a fronteira. Confira abaixo as melhores opções de compras em Toronto:

Premium Outlets
Endereço: 3850 Steeles Avenue West – Halton Hills, Ontario, L7G 0J1
Funcionamento: de segunda a sexta, de 10h às 21h; sábado, de 9h30 às 21h; e domingo, de 11h às 19h.

Aproximadamente 30 minutos de carro de Toronto pela rodovia 401, o Premium Outlets é uma rede super famosa que reúne marcas prestigiadas com descontos que chegam a 60% em relação aos preços praticados em outros estabelecimentos. O acesso é bem tranquilo e você pode chegar no local por transporte público: pelo Go Transit (trem de superfície que liga o centro de Toronto aos subúrbios) é só parar na estação Milton ou Meadowvale, e de lá pegar táxi para o outlet (cerca de 5 a 7 km); a empresa King Tours oferece serviço fretado até o local e custa C$30 por pessoa.

Imagina comprar na Calvin Klein, Michael Kors, Hugo Boss, NIke, GAP, Banana Republic, Puma, Tommy Hilfiger e sair com presente para a família toda? Então não deixe de visitar este outlet.

Vaughn Mills Mall
Endereço:1 Bass Pro Mills Drive, Vaughan, ON L4K 5W4, Canada
Funcionamento: de segunda a sábado, de 10h às 21h; e domingo, de 11h às 19h

Este é um outlet que oferece ótimos preços em marcas como Lacoste, Oakley, Fossil, Armani, H&M, DKNY, Guess e muito mais. Localizado na cidade de Vaughan-ON, está a 31 quilômetros ao norte de Toronto. Para quem alugou um carro e tem um tempinho a mais para as compras, este shopping é uma ótima opção, já que fica perto do parque temático Wonderland, onde a família pode combinar um segundo passeio.
Além de ser possível chegar de metrô, o shopping oferece transporte gratuito de ida e volta, duas vezes ao dia, partindo da Union Station entre os dias 1° de junho e 30 de setembro; e 30 de novembro a 26 de dezembro.

Dixie Outlet Mall
Endereço:1250 South Service Road – Mississauga
Funcionamento: de segunda a sexta, de 10h às 21h; sábado, de 9h30 às 18h; e domingo, de 11h às 18h.

Por ser mais próximo do centro de Toronto, O Dixie Outlet Mall normalmente é um dos mais concorridos pelos turistas. Localizado no caminho de Niagara Falls, o local acumula mais de 120 lojas, entre Guess, Aldo, Levi´s, The One, Puma, Urban Planet. Para chegar via Go Transit, pegue o trem na Union Station em sentido Lakeshore West Line, desça na estação Long Branch e pegue o ônibus Mississauga Transit Route 5 North até o shopping.

Orfus Road Outlet
Endereço:120 Orfus Rd
Funcionamento: Por não ser um outlet propriamente dito, os horários variam de loja a loja, porém a maioria funciona de segunda a sexta, de 10h às 21h; e de 10h às 18h no domingo.

Uma opção mais simples, mas que pode ser bem atraente, o Orfus Road Outlet é uma sequência de lojas que ficam praticamente dentro de Toronto. Tem fácil acesso via transporte público e lá você encontrará, além das marcas famosas, algumas não tão consagradas, mas que são de boa qualidade, como Ardene, Sirens, Roots, Suzy Outlet, Diana James Dresses (roupas para casamento), entre outras. Para chegar ao outlet, siga a direção norte de Lawrence, entre Dufferin e Caledonia. Como é uma rua com muitas opções de lojas, a dica é ir com uma roupa bem confortável para aproveitar ao máximo.

Heartland Town Centre
Endereço: Corner of Mavis and Britannia – Mississauga
Funcionamento: O horário de funcionamento pode variar de acordo com cada loja.

Direcionado aos visitantes que estão na região Mississauga (oeste de Toronto), o Heartland é um outlet que fica numa área aberta, com diversas opções de compra de vestuário, como Adidas, Calvin Klein, H&M, Marshalls, além de outras alternativas como a Best Buy, Canadian Tire e Costco.

Cidades canadenses estão entre as 15 melhores do mundo para estudantes

O Canadá tem três das melhores cidades do mundo para estudantes. Nenhuma novidade, não é mesmo?

Segundo o estudo anual realizado por pesquisadores da QS Quacquarelli Symonds, Montreal está no topo da lista e é a melhor cidade do mundo para estudantes. Vancouver e Toronto também estão no ranking, respectivamente em décimo lugar e décimo primeiro. Para a pesquisa foram analisados fatores como segurança, acessibilidade e nível de poluição.

Em comparação com anos anteriores, Montreal superou todos as categorias e deu um salto para o topo da tabela deste ano. A cidade foi reconhecida por sua conveniência, acessibilidade e percepção positiva dos estudantes. Não é para menos: é lá que estão situadas algumas das instituições mais bem conceituadas do Canadá, como a McGill University (atualmente classificada em 30º lugar no mundo e 1ª no Canadá) e a Université de Montréal (126ª no mundo, 5ª no Canadá).

Já a cidade de Vancouver pontuou no quesito mercado de trabalho para pessoas qualificadas. Duas universidades estão no QS World University Rankings® 2016-2017, das quais a mais alta classificada é a University of British Columbia, em 45º lugar no mundo. A outra instituição de Vancouver, a Simon Fraser University, oferece um ambiente de estudo particularmente exclusivo, graças à localização do seu campus principal, que fica no meio da Área de Conservação da Montanha Burnaby, nos arredores da cidade.

Toronto, apesar de aparecer na décima primeira posição, sem dúvida continua a ser uma forte candidata em relação à qualidade de vida para estudantes. A cidade aparece como a melhor do mundo no quesito “Desirability’, que baseia-se no contexto relacionado à poluição, segurança e corrupção. Na pesquisa, a palavra mais usada para resumir Toronto foi “diversidade” – em referência tanto à enorme variedade de atividades que a cidade oferece, quanto à qualidade diversa e inclusiva de sua comunidade.

E você? Concorda com a pesquisa? Qual a sua cidade favorita?

Veja as 25 melhores cidades para estudantes em todo o mundo:

1. Montreal
2. Paris
3. London
4. Seoul
5. Melbourne
6. Berlin
7. Tokyo
8. Boston
9. Munich
10. Vancouver
11. Hong Kong and Toronto
13. Sydney
14. Singapore
15. Zurich
16. Vienna
17. Kyoto-Osaka-Kobe
18. Edinburgh
19. New York
20. Brisbane
21. Taipei
22. Canberra
23. Barcelona
24. Manchester
25. Shanghai

Dicas para se dar bem em homestay

As opções de hospedagem no Canadá são bem variadas, porém a escolha mais famosa dos estudantes é a Homestay, ou seja, morar em casa de família. Além da segurança, este tipo de acomodação possibilita que o intercambista pratique o inglês com a família e conheça mais sobre a cultura local. Também é uma ótima opção para quem quer economizar, já que inclui alimentação, um dos custos mais altos no país.

Com essa combinação de fatores positivos, reunimos algumas dicas valiosas para que esta experiência seja a mais proveitosa possível:

1) Leve um presentinho para sua família – é de bom tom levar alguma lembrança de seu país, o que vai criar uma ótima impressão já na sua chegada. Aposte em opções de baixo custo como imãs de geladeira, doces caseiros, chaveiros, havaianas ou algo que você entenda que a família vai apreciar, se você conhecer um pouco mais sobre as pessoas que irão te acolher.

2) Pratique o bom senso e respeite as regras da casa – Todas as famílias que estão nos programas de Homestay são residentes canadenses, porém muitas delas são provenientes de outros países e somam diversas culturas. Neste caso, é muito importante entender como é a rotina dos integrantes, como horários de refeições e os dias para colocar a roupa na lavanderia, e respeitá-la. Tenha a mente aberta e converse sempre que tiver alguma dúvida. O diálogo sempre será a melhor opção. Vale lembrar que muitas famílias não permitem que os estudantes levem convidados, mas caso você deseje levar, não deixe de pedir autorização antes. Mantenha o quarto sempre organizado e evite aqueles banhos demorados ou com desperdício de água.

3) Respeite as diferenças culturais – o Canadá é um país multicultural e não será diferente em sua casa de família. Portanto, ao se deparar com alguma comida ou hábito diferente, não se expresse de forma negativa. Experimente novos sabores culinários e tente se relacionar o mais próximo possível da cultura da família, isso vai te ajudar a expandir seus conhecimentos. Vale lembrar que é de costume as famílias que recebem intercambista perguntarem no primeiro dia se o aluno tem algum tipo de restrição alimentar. Portanto, mantenha o diálogo sempre!

4) Participe de atividades com sua família – Não deixe essa oportunidade passar, faça o maior número de atividades possível com sua família. Desde refeições diárias a passeios aos fins de semana, tudo vale a pena! Ter bom senso é imprescindível, então espere ser convidado para não ser inconveniente. Você poderá também encontrar outros estudantes de diferentes nacionalidades em sua casa, portanto faça amizade e conheça mais sobre cada cultura. Quanto mais você interagir com as pessoas, melhor será sua experiência, acredite!

5) Conheça os arredores da sua homestay – Geralmente, as casas de família não ficam no centro da cidade. E por estarem mais distantes do burburinho comercial, você poderá encontrar surpresas muito agradáveis como parques e outras belezas naturais. Sua família pode ser um bom norte para que você conheça estes lugares, então peça dicas e converse com eles.

Se eu não gostar da homestay, posso trocar?

Caso você tenha algum problema com a Homestay, você poderá sim solicitar a troca. Vale lembrar que você terá de explicar na agência quais são os motivos, além de avisar com algum prazo de antecedência.

Veja mais dicas sobre homestay neste texto.

Canadá en verano

As vantagens de conhecer o Canadá no verão

Uma das estações mais apreciadas pelos turistas no Canadá, o verão (entre junho e setembro) chama a atenção também pelas temperaturas mais amenas e os dias mais longos, com sol raiando de 4 da manhã até às 10 da noite. Nesta época, as cidades literalmente mudam. As pessoas ficam mais alegres e costumam realizar atividades ao ar livre, o que é mais difícil no inverno, quando as temperaturas podem atingir 30 graus negativos. Bares e restaurantes fecham mais tarde, garantindo a diversão dos que passam por aqui durante todo o dia!

É uma das épocas que os turistas podem economizar bastante nas compras também. Em agosto, geralmente as lojas fazem diversas promoções de fim de estação, o que possibilita comprar vestuário de verão a preços bem atraentes. As coleções para o inverno também começam a surgir.

As maiores cidades como Vancouver, Toronto e Montreal contam com diversos festivais e atividades culturais. No dia 1° de julho, por exemplo, é comemorado o Canada Day, quando são realizados diversos eventos gratuitos durante o dia inteiro, com desfiles e shows ao ar livre. É a maior comemoração dos canadenses, e por onde você passar vai perceber que todos estão no mesmo clima de festa e descontração.

Em Toronto, vale conhecer o Distillery District, uma vila de pedestres antiga e repleta de arte em forma de bares, restaurantes, teatros e cafés. Muitos eventos só acontecem durante o verão, por isso vale muito a pena colocar este destino em sua agenda. Um dos episódios de Masterchef Canada foi gravado no local, além de vários filmes de Hollywood. Sem dúvida, um lugar muito charmoso que você vai adorar.

Uma ótima pedida é conhecer as belezas naturais. Por ser uma cidade litorânea, Vancouver oferece um dos climas mais amenos do Canadá e é lá também que há uma imensidade de parques. Um dos exemplos é o belíssimo Stanley Park, que conta com mais de quatro quilômetros de área verde, espaços para andar de bicicleta, acampar e fazer aquele churrasquinho que tanto amamos. Uma outra opção é o Queen Elizabeth Park, que encanta pela formosura de sua área. Com pouco mais de um quilômetro de extensão, o parque oferece vistas maravilhosas e diversas atrações turísticas.

Bem pertinho do centro da cidade de Vancouver, Deep Cove está localizado num vale de montanhas rodeado pelo mar. Apesar de ser um braço oceânico, suas águas calmas fazem com que Deep Cove mais pareça um lago e, por conta disso, o local é conhecido pelos passeios de caiaque e stand up paddle board, aquele tipo de prancha que você rema de pé. Bem na parte comercial existe uma loja, onde é possível alugar os equipamentos para a prática desses esportes aquáticos. Não perca a oportunidade também de fazer a trilha, que tem fácil acesso e dura aproximadamente uma hora para subir e 45 minutos para descer. Você não vai se arrepender, a beleza lá de cima é de cair o queixo. E no fim do passeio, você pode dar aquele mergulho para se refrescar no lago.

Falando em lago, não deixe de visitar a área de recreação do Lago Buntzen, localizada ao norte do vilarejo de Anmore e a 45 minutos de carro do leste de Vancouver. É um paraíso para você e sua família se refrescarem e fugirem um pouco do calor do verão. O local conta ainda com espaço para recreação de adultos e crianças, trilhas para os mais aventureiros, e uma área exclusiva que você pode deixar seu cachorro brincando solto.

Sabia que os canadenses adoram praia também? Por isso quando chega o verão, este é um dos destinos preferidos, além das piscinas naturais. Confira aqui uma matéria exclusiva que fizemos sobre este tema.

Aproveite o verão e as atrações que o Canadá oferece. Bom passeio!

5 motivos para conhecer o Canadá em 2017

O ano de 2016 está chegando ao fim e já está na hora de começar a preparar a famosa lista de desejos para 2017.

Pensando em lhe ajudar nesta missão, nós resolvemos listar cinco motivos para que você coloque “Conhecer o Canadá” entre os seus objetivos para o novo ano.

Veja abaixo:

1) Isenção de visto de turista para brasileiros

Como já falamos aqui no blog, a partir do dia 1º de Maio de 2017 alguns cidadãos brasileiros não precisarão de visto de turista para o Canadá, podendo solicitar apenas o eTA (Electronic Travel Authorization). A regra será válida para quem possuir um visto americano válido ou para quem já teve algum visto canadense nos últimos dez anos. Clique aqui para saber mais sobre o assunto.

2) Canadá: Primeiro lugar no ranking dos melhores países para viajar em 2017

Em outubro deste ano, a Lonely Planet escolheu o Canadá como o melhor país para viajar em 2017. No site você pode se cadastrar para receber um guia completo sobre o país, com indicações de locais para visitar. Vale a pena conferir!

3) Aniversário do Canadá

O Canadá foi criado oficialmente em 1867, logo, neste ano de 2017 o país completa 150 anos! Será um ano inteirinho de festa! As comemorações já começam esta semana, no último dia do ano, em 19 cidades diferentes: St. John’s ; Halifax ; Charlottetown ; Moncton ; Fredericton ; Québec; Montréal; Ottawa; Toronto; Iqaluit; Winnipeg; Regina; Saskatoon; Yellowknife; Edmonton; Calgary; Whitehorse; Vancouver e Victoria.

Em Vancouver, a festa acontece ao redor do Canada Place, com diversas apresentações culturais e música ao vivo. Estão previstos também dois shows de fogos de artifício: o primeiro às 9pm e o segundo às 00h. Clique aqui para mais informações.

Já em Toronto a festa será na Nathan Phillips Square. O evento contará com atividades para toda a família, além de DJs e shows diversos. Também estão previstos um show pirotécnico e uma contagem regressiva especial. Clique aqui para mais informações.

Os demais eventos comemorativos serão postados no site oficial do governo, desenvolvido especialmente para a data. Clique aqui para ter acesso ao site.

4) Entrada gratuita nos parque nacionais

Ainda para comemorar o aniversário de 150 anos do país, o governo liberou entrada gratuita em todos os parques nacionais no ano de 2017. Você só precisa garantir seu passe gratuito no site. Clique aqui para ver a lista dos parques nacionais do Canadá.

5) Todos os motivos óbvios que você já está cansado de saber

Além dos motivos citados acima, nós poderíamos ficar horas aqui listando pelo menos mais umas 50 razões óbvias para você visitar o Canadá no ano que vem como as belezas naturais do país, a qualidade de vida, a cortesia com que os canadenses recebem os visitantes estrangeiros, a segurança etc. Vale a pena separar um pedacinho do ano para conhecer este país que é considerado um dos melhores do mundo para se viver!

Entenda como funciona o sistema de transporte público em Toronto

Como todo mundo sabe, o transporte público no Canadá é bem diferente daquele que estamos acostumados no Brasil. Em Toronto, por exemplo, o sistema é chamado TTC (Toronto Transit Commission) e conta com metrô (subway), streetcar (bonde) e bus (ônibus). Como o sistema é interligado, você pode usar os três com apenas um único passe. Ficou confuso? Então calma que a gente explica!

**Clique aqui caso você queira descobrir como funciona o transporte público em Vancouver

Tipos de transporte:

Metrô (Subway) – Atualmente existem quatro linhas de metrô: amarela, azul, verde e roxa. Normalmente ele funciona das 6am às 1h30am de segunda a sábado e das 8am às 1h30am aos domingos.

Streetcar (bondes) – São 11 rotas e normalmente elas funcionam 24 horas por dia. Os bondinhos andam pelas principais ruas de downtown e também ligam as estações de metrô.

Ônibus – A maioria dos ônibus funciona entre 6am e 1am todos os dias, com exceção de domingo, quando começam a rodar às 9am. Normalmente eles fazem a conexão entre as estações principais de metrô.

Como funciona o sistema integrado?

Em Toronto você poderá utilizar os três meios de transporte pagando apenas uma tarifa. Normalmente as estações de metrô contam com um terminal de ônibus também. Desta forma, os passageiros podem transferir entre um e outro tranquilamente.

No caso de estações de metrô que não possuem terminal de ônibus, você poderá transferir-se utilizando o famoso transfer – um bilhete fornecido sem custo adicional aos usuários. Se você estiver em uma estação de metrô, poderá pegá-lo nas máquinas de cor vermelha. Nos ônibus e streetcar, você deverá pedi-lo ao motorista. Logo depois, é só apresentá-lo no próximo meio de transporte para seguir sem problemas. É importante lembrar que o transfer só é válido para a conexão entre um transporte e outro.

Formas de pagamento e tarifas
Atualmente a tarifa em Toronto é de $ 3,25 para adultos e $ 2,20 para estudantes e idosos (mais de 65 anos). Porém, se você usa o transporte público regulamente, existem alguns tipos de passe que você pode comprar e economizar.

Token: O Token é como se fosse uma moedinha e você pode comprá-lo nas máquinas localizadas nas estações. Você só consegue adquirir no mínimo três pelo valor de $9.30 ($3.10 cada um). Para estudantes e idosos, eles são vendidos em múltiplos de 5 por $ 10,75, ou seja, cada um sai por $ 2.15.

DayPass: Você compra direto na estação e poderá utilizá-lo o dia inteiro, quantas vezes quiser. O valor é $ 13. Aos sábados, domingos e feriados são disponibilizados os Group/Family Day pass. Neste caso, apenas um passe pode ser utilizado pelo grupo todo sendo obrigatoriamente no máximo um adulto e cinco jovens entre 13 e 19 anos; dois adultos e quatro jovens com idade entre 13 e 19 anos; ou dois adultos.

Monthly Pass: Este passe é válido para o mês todo, ou seja, você poderá usar quantas vezes quiser durante aquele mês e pagará um valor fixo. Hoje em dia, o cartão custa $ 151,15 para adultos e $122,45 para estudantes e idosos.

Crianças menores de 12 anos não pagam passagem. Para conferir os outros tipos de passe e seus valores atualizados é só clicar aqui.

Observação: É importante lembrar que nos ônibus e streetcar não há cobrador, apenas motorista. Portanto, caso você não tenha nenhum tipo de passe ou token, leve sempre o dinheiro trocado. O motorista nunca devolverá o troco.

Curiosidades:

  • O TTC é o terceiro maior sistema de transporte da América do Norte.
  • Os ônibus contam com ar condicionado, espaço para cadeirantes e lugar para carregar bicicletas. Eles ainda contam com um dispositivo para rebaixar a parte da frente do veículo, facilitando a entrada de cadeirantes e pessoas com carrinhos de bebê ou de compras.
  • Você não precisa fazer sinal para que o ônibus pare. Se você estiver no ponto, ele automaticamente irá parar para você.
  • Dentro do ônibus você encontra um painel eletrônico mostrando as ruas e as estações. Uma gravação de voz também avisa qual é a próxima parada.
  • No site do TTC você encontra um planejador de viagem (Trip Planner). Você só precisa colocar onde você está e onde quer chegar que ele irá lhe mostrar o caminho, horários e qual meio de transporte você precisa pegar.
  • Existem vários aplicativos e outros sistemas que irão lhe ajudar a planejar sua viagem e até mesmo mostrar o trajeto do ônibus em tempo real. Eles estão todos listados no site oficial do TTC. Para ver a lista, é só clicar aqui.
Toronto

5 locais para conhecer em Toronto (e SEM gastar dinheiro!)

Que vida de estudante não é fácil, todo mundo já sabe! Porém, ser um estudante no Canadá torna as coisas muito melhores, não é mesmo? Ainda mais quando se vive em uma cidade como Toronto, que conta com inúmeras opções gratuitas de lazer. E foi pensando em você que está com o orçamento apertado que nós preparamos esta lista com cinco lugares imperdíveis da maior cidade canadense. E o melhor: você não vai precisar mexer no bolso! Confira:

1)The Distillery District

No The Distillery District você vai encontrar inúmeras lojas de grife, cafés, lojas de artesanato, galerias de arte deslumbrantes e restaurantes premiados. O local é uma das áreas mais charmosas de Toronto, principalmente pelas construções no estilo vitoriano. Ir ao Distellery District é como viajar no tempo, já que o espaço conta com construções antigas muito bem conservadas. No passado, o local abrigou o Goorderham and Worts Distillery, uma das maiores destilarias do mundo. No complexo são realizados também vários eventos e festivais. Para checar a programação completa, é só clicar aqui. A entrada no The Distillery District é gratuita.

2) High Park

O High Park é considerado o maior parque de Toronto. O local conta com inúmeras trilhas, bosques, áreas para piquenique, quadras para praticar esportes, parquinho para crianças, espaço para cachorros e até mesmo um zoológico. Assim como no The Distillery District, vários eventos são realizados no local e você pode conferir o calendário aqui. O High Park fica na Bloor Street West, número 1873.

3) Kensington Market

O Kengsington Market é um bairro super original de Toronto. A sua principal característica é a pluralidade. Podemos falar que o local reflete bem o Canadá, um país multicultural. Neste pedacinho de Toronto você vai conseguir encontrar produtos do mundo todo, até mesmo do nosso Brasil. São inúmeros brechós, lojas, quitandas de frutas e verduras… um excelente local para passar o dia!

4) Yonge Dundas Square

A Younge Dundas Square é conhecida como a “Times Square Canadense”. O local é um dos principais cartões postais de Toronto e conta com grandes redes de lojas, teatros, restaurantes, cinemas e também o maior shopping da cidade. Vários eventos são realizados por lá e você pode descobrir quais são os próximos neste link. No verão, acontece uma espécie de “Cinema ao ar livre”, com a exibição de vários filmes.

5) Woodbine Beach

Se você estiver em Toronto no verão, uma dica é ir até até a Woodbine Beach, uma das praias mais famosas da cidade. O local é muito popular entre os adeptos de esportes como o vôlei de praia e o futebol de areia. A praia ainda conta com uma piscina pública bem grande para que você possa se refrescar nos dias de calor.

Webinars