3RA Intercâmbio

Depoimento: O primeiro emprego no Canadá – Desafios e futuro

34 Shares

Todos os anos, milhares de brasileiros deixam para trás suas carreiras e chegam ao Canadá em busca de novas oportunidades e qualidade de vida. De olho no futuro, enquanto estudam e aprimoram o inglês para conseguir uma colocação na área que desejam, eles partem para os empregos “entry level”, como aqui são conhecidos os cargos nas áreas de comércio e construção, por exemplo. Ao contrário do que muita gente pensa, esses cargos não são exclusividade de estrangeiros: Existem milhares de canadenses que também trabalham nessas vagas. No Canadá não existe este tipo de preconceito e trabalho é trabalho. Todo mundo consegue viver bem trabalhando com o que escolheu. Por isso, antes de embarcar, é preciso deixar este pensamento de lado e, em seguida, se preparar para garantir o seu primeiro emprego em terras canadenses.

O administrador de empresas Henrique Matsuda Itoh deixou o Brasil há quase dois anos atrás. Ele viajou para Vancouver com a intenção de aprimorar o inglês, mas encontrou inúmeras novas possibilidades no país e agora estuda para trabalhar no futuro com ilustração, animação e modelagem 3D. “Eu sempre gostei muito de desenhar e meus amigos, familiares e professores sempre elogiavam meu trabalho. Quando cheguei ao Canadá descobri inúmeras empresas da área de cinema e inúmeras escolas. Vi uma oportunidade única de conseguir conhecimento e, quem sabe, uma chance de expor minha habilidade e garantir o emprego dos meus sonhos”, revelou.

henriqueEnquanto se prepara para a nova carreira, Henrique trabalha como lavador de pratos em um restaurante.  “Eu era caixa de banco no Brasil e apenas essa informação já mostra o quanto era estressante a minha vida profissional. Trabalhar como lavador de pratos nunca me incomodou, ainda mais porque no Brasil eu trabalhava em um emprego que não gostava. Agora estou focado no futuro, pois quero trabalhar com algo que me dê prazer. Nós passamos grande parte da vida trabalhando, então tem que ser com algo que a gente goste”, destacou.

Para conseguir o primeiro emprego em um restaurante, como todo recém-chegado ao país, Henrique precisou se preparar e contou com a ajuda de amigos. “Como não conhecia como era o sistema empregatício no Canadá fiquei muito perdido. Por sorte, um amigo me indicou para o trabalho. Aqui o mercado para empregos entry level é abundante, mas é preciso saber como procurar por essas vagas. Tudo depende muito do tipo de trabalho que você está procurando”, falou.

Segundo Henrique, o que sempre funcionou para ele na hora de buscar um emprego foi poder contar com sua rede de contatos e persistência. “As empresas aqui prezam muito por indicação. Por isso a minha dica é sempre fazer o máximo de contatos possível. Para quem acabou de chegar e ainda não conhece ninguém, é bom sempre ter cópias do currículo com você e ir andando pela cidade. Sempre tem alguma placa de ‘contratando’ em alguma loja. Também é legal procurar em sites como o Craigslist. Outro ponto importante é persistir. Se o empregador prometeu que vai ligar e não ligou, volte e pergunte sobre o emprego novamente”, sugeriu.

Por fim, Henrique destacou que antes de embarcar é preciso ter pé no chão. “Se você não é daqueles que já vem com um emprego garantido do Brasil para cá, não tenha a ilusão de que você vai conseguir um emprego na sua área rapidamente quando chegar aqui. É importante se preparar e estudar bastante. Antes de cair de cabeça nesta aventura, pesquise muito sobre sua área de atuação. Já para aqueles que assim como eu irão mudar de área, é bom ter em mente que a mudança não será apenas na carreira, mas também no estilo de vida. Aqui o clima é diferente, a cultura é diferente, a comida… mudança total”, finalizou.

Clique aqui e saiba como estudar e trabalhar no Canadá